domingo, 20 de dezembro de 2009

Relatos da nova babilônia

Alguns dias depois.


Episodio:

Tudo isso por que eu procurava um olhar de anjo.


Ventos sombrios do mesmo, sobre a mesma cidade, com as mesmas pessoas, cilada do destino pra criar a desesperança, alçada essa via, me via no invisível de uma sentença, ver aquilo que eu não poderia ter, por acaso desse belo destino.

O telefone toca no lugar de sempre, me acorda da dormência daqueles pensamentos, e me leva ate a casa de um anjo de olhos claros, mas não só claros de cor mais de reflexo de alma, ainda há esperança nessa grande babilônia, apesar de haver nela aqueles sutis apelos da cidade do mal, é um anjo eu sei que é.

Mas o acaso brinca e vai embora, o que Deus esperava que eu sentisse diante de tamanha aparição? Não sei, mais é um pena que ela esteja prestes a cair no colo da amargura de quem a muito satisfaz o desejo da babilônia atual, mesmo lutando contra as vezes, é de aspecto forte mais de alma frágil entregue a todos os desejos. É uma pena.

Saímos de La num flash, as ruas sem nome nos fizeram traçar caminhos longos por ruas iluminadas que não iluminavam minha alma.

Chegamos ao lugar intermediário entre a noite e o dia nas altas horas da vida, a amargura e eu na luta contra o desejo desejoso desse mal, e de repente mais um expõe a cilada da nova babilônia, e perde o controle, coração quebrado, desespero, suicídio de sua alma adoecida por anos nessa vida, as imagens me chocam, nós temos a cura, que é o evangelho do eterno, mas esse louco foi perdido na sua loucura, mas há uma esperança de que ele se ache em pé nessa queda.

A noite de reflexos, depois de ir me esquecendo dos reflexos daqueles olhos de anjo, continua, um carro feros de um motorista bandido, perdido no seu banditismo de máfia, chegamos a um lugar da noite, posto de lamentos, seus amigos estranhos, figuras de cinema, bala no peito, desesperança no chão.

Cheguei finalmente em casa, feliz por poder dormir, e triste pelo provável fim dos olhos de anjo. Será que essa dor nunca vai passar?


Thiago Mendes

Manhã de outro dia.

20/10/2009

2 comentários:

Isaias Medeiros disse...

Olá

Uma postagem muito interessante, assim como o restante do blog. Parabéns pelo seu trabalho, já estou sendo seu seguidor.

Se também desejar me visitar, conhecer minhas idéias, trocar links ou seguir meu blog, visite:
Um pouco além do óbvio.

Abraço.

N'Ele, a autoridade máxima em matéria de salvação.

Thiago Mendes disse...

valeu, o seu blog massa damais. vou passar por la sempre